5

Resenha: Te Amo Te Odeio Sinto Tua Falta – Elizabeth Scott - Editora Underworld

Sinopse:

Já se passaram 75 dias. Amy está cansada do interesse súbito que seus pais tomaram nela. E ela está realmente cansada das pessoas perguntando por Julia. Julia se foi, e ela não quer falar sobre isso. Eles não entenderiam, de qualquer maneira. Eles não entenderiam como é ter sua melhor amiga arrancada de você. Eles não entenderiam como é saber que foi sua culpa. O terapeuta de Amy acha que ajudaria se ela escrevesse um diário. Ao invés disso, Amy começa a escrever cartas para Julia. Mas à medida que escreve as cartas, ela começa a perceber que o passado não foi tao perfeito como ela pensava - e que o presente merece uma chance também. 

Minha Opinião: 

Te Amo Te Odeio Sinto Tua Falta conta a historia de Amy uma garota devastada por uma tragédia, que esta em uma clinica de reabilitação prestes a voltar para casa, ela passa por uma depressão profunda, sua melhor amiga morreu e ela não sabe como enfrentar a culpa que sente.

Li esse livro em 2 dias, porem a leitura dele é rápida e empolgante, ele tem apenas 179 paginas, que da para ser lido de uma só vez, o livro pode ser pequeno, mas as emoções passadas por ele são sem tamanho.

Amy se sente culpada pela morte de Julia, sua melhor amiga, e acha que não tem direito de ser feliz novamente.

“Não suporto isso, saber que você se foi. Lamento muito, J. Não sabe quanto sinto por tudo que aconteceu. Pelo que eu fiz.
Sei que são só palavras. Mas elas são sinceras, juro. Sinto muito. Por favor, me perdoe por tudo.” Pag. 44

Ela esta de volta a sua vida cotidiana, tem que voltar para a sua família que nunca teve tempo para conhecê-la de verdade e voltar para a escola onde todas as pessoas as excluem.

“Então, agora estou aqui, na escola, escondida no banheiro dos professores, e não sei o que fazer. Não posso sair daqui, Julia. Estou presa, ficando maluca. Se eu fechar os olhos, você vai aparecer pra mim? Não precisa fazer tudo ficar bem. Não precisa fazer nada. Só quero você aqui. Só por um segundo.” Pag. 21

Para ajudá-la a passar por essa fase tão difícil, seu terapeuta pede para que ela escreva um diário contando suas emoções, ao invés disso, Amy resolve escrever cartas para Julia, cartas que jamais serão lidas.

O livro é tocante, pois a cada carta que ela escreve, Amy percebe que seu passado não foi tão perfeito e que o futuro não é tão ruim quanto parece, e que no meio desse furacão de emoções que se transformou sua vida, ela pode descobrir o amor e a amizade verdadeira.

“Ele não estava muito perto de mim, nada disso, mas, mesmo assim, eu o queria mais longe. Queria bloquea-lo. Bloquear as lembranças. Sua pele. Seu hálito acariciando minha orelha, minha garganta. A pergunta que ele me fez naquela noite no cinema, sobre quem eu era e se sentia falta dela, daquela garota que um dia eu fui.”

O livro é tão bom que é difícil descrevê-lo, pois ele trata sobre assuntos que mexeram comigo e a escrita da autora, é inexplicável, ela escreve sobre temas tão pesados, de uma forma tão doce que me cativou muito. Esse concerteza esta na lista dos melhores livros que li no ano. Se você quer se emocionar com uma historia que fala de depressão, amizade, de culpa, de recomeço e de esperança, não pode perder essa história incrível. RECOMENDADO a TODOS. Leitura merecidissima de minhas 5 estrelas.

PS: Adorei como a autora mostrou a terapia de Amy e como através dela ela pode se redescobrir e lutar contra seus medos.

Renata Sara

5 comentários:

Zilda Mara Peixoto

Oi,Re!
Nossa, esse livro deve ser muito lindo mesmo. Eu não consigo nem imaginar a dimensão da dor causada pela perda da nossa melhor amiga.
Eu tenho esse livro esquecido na estante desde a Bienal de 2011, acredita! Mas, não havia me interessado muito por ele. Agora, tenho motivos de sobra para adiantá-lo na imensa fila de leitura.
Adorei a resenha!
Bjs.
Zilda Mara
Cachola Literária

JannaGranado

Oi Re que bom que vc gostou, então não foi uma compra que valeu super a pena néh, já que vc estava doida pela leitura desse livro néh, eu tbm morro de curiosidade sobre esse livro...espero um dia poder me emc]ocionar assim como vc se emocionou...
BjOs!!!
JannaGranado
http://livrospuradiversao.blogspot.com.br

Elisandra

Incrível mesmo quando as vezes poucas páginas nos transmitem uma emoção sem tamanho.E essa autora tem conquistado muito leitores, queria poder conferir esse livro, mas como a fila ta enorme vou esperar um tempo pra adquiri-lo e lê-lo. Mas com certeza eles estará na minha lista, um livro assim tenho que ler, nem que demore pra isso acontecer.....adorei a opinião amiga...beijoaks elis

Giulia Ladislau

Forte esse livro, hein?! Quando li o título, achei que fosse um romance e me surpreendi ao ver que trata de uma história de amizade. Achei super interessante, tá na minha wishlist.
Beijinhos!
Giulia
http://prazermechamolivro.blogspot.com

Karolyne Kazakeviche

Bem forte o livro, bem sentimental .... mas parece bom. O modo de construção é diferente, as vezes pode não ser bem aceito, mas acho que vale a pena ler.

Postar um comentário